fbpx Skip to content
Cobrança de inadimplentes

COMPARTILHE

19 de novembro - 2021

Como criar um processo escalável de cobrança de inadimplentes na sua escola

Tempo estimado de leitura: 6 minutos (1225 palavras, 7164 caracteres)

Quem tem escola particular sabe: a inadimplência é uma questão que não pode ser menosprezada. Altos índices de inadimplência, muitas vezes, acabam por inviabilizar o funcionamento de uma instituição. Por isso, é importante que o gestor tenha uma visão estratégica na hora de planejar os processos de cobrança de inadimplentes. Um ponto crucial nesse sentido é a escalabilidade das ações.

 

O que é escalabilidade?

 

Escalabilidade é quando uma empresa consegue aumentar seus resultados de forma sucessiva sem precisar, para isso, aumentar proporcionalmente os custos. É o típico “fazer muito com pouco”, ou seja, duplicar, triplicar, quadruplicar, quintuplicar (pegou a ideia né?) os resultados sem a necessidade de aumentar os custos com funcionários, infraestrutura, etc., na mesma medida.

 

Uma empresa pode ter resultados escaláveis em várias áreas. No segmento escolar, por exemplo, a escalabilidade pode estar no crescimento da instituição como um todo, na captação de alunos e na redução das taxas de inadimplência.

 

Uma escola que tem um processo escalável de cobrança de inadimplentes é aquela que – mesmo que cresça e aumente exponencialmente a quantidade de alunos – ainda conseguirá cobrar a todos os inadimplentes da sua carteira de forma eficiente e sem precisar aumentar muito os custos com a contratação de mais pessoas para essa função.

 

O que é um processo não-escalável de cobrança de inadimplentes?

 

Ficou na dúvida se as ações para a cobrança de inadimplentes na sua escola são escaláveis ou não? Vou te ajudar com isso! Veja alguns exemplos de processos que não são escaláveis:

 

  • Cobrança por telefone
  • Cobrança por apps de mensagens instantâneas

 

Perceba que esses processos não podem ser replicados em escala crescente sem aumentar consideravelmente os custos com a execução. E se você pensa: “ah, mas para a quantidade de inadimplentes que tenho hoje está bom, consigo falar com todos”, te dou uma dica: tenha visão de futuro.

 

Afinal, a sua escola não está dispensando matrículas, está? O objetivo das instituições é sempre conquistar mais alunos. Porém, quanto mais alunos, mais são as chances de aumento da carteira de inadimplentes. E o que vocês farão quando chegar nesse ponto?

 

Você sabe que com uma carteira de inadimplentes maior, o colaborador responsável pelas ligações e mensagens terá que dedicar mais horas produtivas remuneradas às funções de cobrança, certo? Aí depois chegará ao ponto em que ele simplesmente não dará mais conta. Então, duas coisas podem acontecer:

 

  1. Uma parte dos inadimplentes deixa de ser contatada e cobrada, a escola não recebe os pagamentos e prejudica seriamente sua saúde financeira.

 

  1. A instituição contrata mais colaboradores para dar conta da cobrança de inadimplentes de toda a carteira, aumenta os custos com a folha de pagamentos e reduz a lucratividade.

 

Gostou de alguma dessas opções? Pois saiba que se a sua escola optar por usar processos não-escaláveis de cobrança, essas questões acompanharão toda a jornada de crescimento da instituição. Então, ela crescerá em faturamento, mas não proporcionalmente em rentabilidade. Nada bom né? Vá ao próximo tópico e veja como fazer diferente.

 

O que é um processo escalável de cobrança de inadimplentes?

 

Um processo escalável de cobrança de inadimplentes é aquele que pode ser replicado exponencialmente sem um considerável aumento dos custos. Como fazer isso? Simples: com automação!

 

A automação de processos elimina tarefas manuais e, consequentemente, a necessidade de pessoas executando-as. A automação só precisa ser programada uma vez, e depois, ela trabalha sozinha. Não consome horas produtivas, não aumenta muito os custos mesmo quando há aumento na demanda e não comete erros. É um processo totalmente escalável e eficiente.

 

Quando falamos em empregar automação em processos de cobrança de inadimplentes, estamos falando, é claro, de tecnologia. Se você ainda não percebeu, quando se quer resultados, não há como fugir dela. Então, seja você um entusiasta do meio digital ou não, pese sempre nas suas decisões o fator “saúde financeira da escola”, e escolha o que mais contribui para ela.

 

Dito isso, eu imagino que você queira saber qual é o recurso digital que pode usar para trabalhar com automação da cobrança de inadimplentes, certo? A resposta é: assistente de recebimentos e cobranças. Essa ferramenta é uma funcionalidade que fica dentro do aplicativo de agenda digital escolar. Não de qualquer um, é claro, só de soluções mais avançadas, o que nos leva ao próximo tópico.

 

ClipPag

 

O ClipPag é o assistente de recebimentos e cobranças da ClipEscola. É um recurso muito robusto, que traz uma gama de possibilidades financeiras, como você pode conferir por aqui. Na parte de cobrança de inadimplentes, o ClipPag atua de forma preventiva e reativa, empregando, é claro, a automação.

 

Vou explicar como funciona. Tudo começa com a chegada do boleto da mensalidade no app de todos os responsáveis financeiros, algo que pode ocorrer automaticamente por integração com o sistema de gestão. Aí então os pais recebem uma mensagem automática avisando que o título já está disponível para quitação. Conforme a data de vencimento vai se aproximando, começam a chegar lembretes automáticos para eles, para que não haja esquecimentos.

 

Caso o título não seja pago até a data de vencimento, o ClipPag automaticamente identifica isso e começa a enviar notificações de cobrança aos devedores. Ele também atualiza automaticamente o boleto – incluindo juros e multa – e permite que o devedor possa quitá-lo imediatamente, sem precisar solicitar segunda via. O pagamento também pode ser realizado pelo próprio ClipPag em questão de segundos. 

 

Além de todo esse processo automatizado, o ClipPag também possibilita que a escola consiga verificar quais pais leram os lembretes e notificações de cobrança e até os dias e horários em que isso ocorreu. Os responsáveis não conseguem desabilitar essa opção. É possível até gerar relatórios com essas informações. Ou seja, desculpas como “não recebi, não vi, esqueci” não colam mais!

 

Você percebeu como o ClipPag permite um processo totalmente escalável de cobrança de inadimplentes? Como tudo ocorre por automação, mesmo que a escola cresça ao longo do tempo, matricule mais alunos e, inevitavelmente, tenha uma carteira de inadimplentes maior, não precisará investir em mais nada para realizar a cobrança, pois o ClipPag dá conta de qualquer volume. Que tal solicitar uma demonstração por aqui?

 

Leia mais
– ClipPag: conheça todos os recursos do gateway de pagamentos da ClipEscola!
– Boleto escolar: descubra como emiti-lo de forma simplificada

 

E aí, percebeu como faz sentido investir em um processo de cobrança de inadimplentes que seja escalável? Pode contar com a Clip para te ajudar!

 

Infográfico ClipPag

AUTOR:

Graziela Balardim

A autora é Jornalista, pós-graduada em Produção Multimídia e atua na ClipEscola como Conteudista de Marketing Digital.