Skip to content
Hora da saída escolar

COMPARTILHE

31 de julho - 2020

Como evitar aglomerações na hora da saída escolar quando as aulas retornarem

Tempo estimado de leitura: 5 minutos (1038 palavras, 5813 caracteres)

Ainda paira uma nuvem de incerteza sobre a reabertura das escolas no Brasil. Em alguns locais do país o retorno já aconteceu, em outros há apenas previsões. Essa espera para a volta, no entanto, fornece às escolas o tempo de que elas necessitam para criar um sólido planejamento para uma volta às aulas mais segura, antecipando cenários e identificando soluções. Um desses cenários é o assunto do artigo de hoje: a hora da saída escolar. A sua escola já possui um planejamento para evitar aglomerações nesse momento tão crítico para o distanciamento social?

 

Pontos críticos da hora da saída escolar

 

Da forma como os alunos são liberados normalmente, o distanciamento social de dois metros, ou mesmo o de um, se torna impossível. Veja os pontos mais críticos:

 

  • Liberação simultânea

 

O sinal toca no mesmo horário para todos os alunos, e isso significa corredores lotados e aglomeração no portão da escola na espera pelos pais. Não há como demarcar o distanciamento, pois mesmo com turmas reduzidas, ainda haverá muitos alunos na escola. Dessa maneira, o distanciamento social é inviável.

 

  • Pais entrando na escola

 

No caso da educação infantil, é normal que os pais entrem na escola para buscar os pequenos, que podem ser até bebês. Como o horário de entrega dos aluninhos é o mesmo para todos, acabará acontecendo de alguns pais chegarem ao mesmo tempo e ficarem esperando juntos enquanto o professor vai buscar as crianças. 

 

Esse é um cenário em que o distanciamento social está em risco, pois dependendo da quantidade de pais esperando ao mesmo tempo, pode ser difícil que a escola consiga demarcar a distância entre eles. Também é necessário levar em consideração que nem todos respeitam as demarcações de distância. 

 


Soluções para o distanciamento social na hora da saída escolar

 

Você já percebeu que é necessário planejar a saída escolar com cuidado na volta às aulas, não é? Afinal, de que adianta manter os alunos distantes em sala de aula e permitir que todos se aglomerem na hora da saída? É preciso pensar em todos esses aspectos para garantir a máxima segurança aos estudantes.

 

Veja algumas ações que a escola pode implementar:

 

  • Saídas escalonadas

 

Uma medida que pode contribuir para diminuir o risco na hora da saída escolar é a realização de liberações em horários alternados. Nesse caso, as turmas da escola não seriam liberadas ao mesmo tempo, o que ajudaria a reduzir o número de alunos aguardando pelos pais na hora da saída. 

 

Embora a ação ajude, ela não resolve o problema por completo, pois ainda assim os alunos da mesma turma poderão ficar próximos enquanto aguardam pelos pais na saída da escola. Caso a instituição seja grande, com muitas turmas, não conseguirá liberar cada uma em um horário diferente, então algumas terão que ser liberadas em conjunto. Portanto, é preciso ter em mente que a saída escalonada é uma solução apenas paliativa.

 

  • Tecnologia para monitoramento da aproximação dos pais

 

Na tecnologia reside uma solução mais assertiva para o problema. Hoje em dia todo mundo anda com o celular o tempo todo – inclusive os pais dos alunos – e os celulares possuem GPS. Está percebendo aonde eu estou querendo chegar? Geolocalização, é claro! Sabendo em que lugar os pais estão é possível identificar se eles estão próximos da escola, para que cada aluno só seja liberado no momento da chegada do responsável dele.

 

Na solução que nós desenvolvemos aqui na ClipEscola, por exemplo, há uma funcionalidade chamada “Estou Chegando”. O aplicativo é sincronizado com o celular dos responsáveis e envia para a escola a informação de geolocalização. A instituição acompanha essa aproximação por um monitor. A proximidade é sinalizada por cores: verde quando o pai sai de casa, amarelo quanto está no raio intermediário e vermelho quando está próximo da escola e o aluno já deve ser liberado.

 

Sabendo o momento da chegada dos responsáveis, a escola pode manter os alunos no distanciamento social já demarcado em sala de aula e liberá-los gradualmente, na hora em que o pai de cada um já estiver chegando no portão da escola. Assim, é muito mais fácil manter os alunos distantes e assegurar que eles não corram riscos desnecessários.

 

Se a escola quiser aumentar ainda mais a segurança, pode juntar a ideia do primeiro tópico a esta. É possível definir horários de saída escalonados por turmas, para que todos os pais do colégio não saiam de casa ao mesmo tempo para buscar os filhos. Porém, cada aluno só é liberado da sala de aula quando o Estou Chegando informar que o pai dele já está próximo da escola. Dessa maneira, o grau de segurança na hora da saída escolar é o mais alto possível.

 

  • Pais fora da escola

 

Com relação ao caso de responsáveis que entram na escola para pegar os filhos pequenos, esse é um outro problema que pode ser resolvido com o monitoramento da aproximação deles da escola. Sabendo que o pai já está próximo, o professor pode deixar o bebê ou a criança pequena já preparada para ser entregue a ele quando chegar no portão. Assim, não há a necessidade de os responsáveis entrarem na escola para buscar os filhos. A aglomeração de pais é então evitada.

 

Leia mais
– Como viabilizar o distanciamento entre os alunos em sala de aula
– Volta às aulas: medidas de higiene e cuidados necessários

 

Agora você já sabe que é possível organizar a hora da saída escolar para que o distanciamento social seja mantido. Se quiser a nossa ajuda, entre em contato!

 

CTA - Estou Chegando

AUTOR:

Graziela Balardim

A autora é Jornalista, pós-graduada em Produção Multimídia e atua na ClipEscola como Conteudista de Marketing Digital.