Skip to content
Ambiente Virtual de Aprendizagem

COMPARTILHE

25 de março - 2020

Ambiente Virtual de Aprendizagem: como criá-lo e dar continuidade às rotinas escolares por EaD

Tempo estimado de leitura: 5 minutos (864 palavras, 5174 caracteres)

Com os acontecimentos dos últimos tempos – que causaram a suspensão das aulas e desafiaram as escolas a encontrarem meios para dar continuidade ao conteúdo programático – um método surgiu com força para “salvar a pátria”: o Ensino a Distância (EaD). As instituições estão migrando em massa para ele, e procurando ferramentas que contenham um Ambiente Virtual de Aprendizagem para viabilizar as atividades.

 

O que é um Ambiente Virtual de Aprendizagem?

 

Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) é um local online que dá suporte ao gerenciamento de conteúdos didáticos. Por ele ocorre a maior parte das interações entre professores e estudantes. O AVA pode ser usado para modalidades de ensino totalmente a distância, semipresenciais ou até para agregar ao ensino presencial tradicional.

 

Há Ambientes Virtuais de Aprendizagem que possibilitam a criação de salas de aula virtuais, nas quais aulas inteiras podem ser ministradas em tempo real. Os estudantes também podem fazer perguntas ou tirar dúvidas de duas formas: falando diretamente ou perguntando via chat.

 

É necessário “manjar de tecnologia” para recorrer ao AVA?

 

Se a sua escola não tem familiaridade com Ensino a Distância, Ambiente Virtual de Aprendizagem ou mesmo tecnologias educacionais de uma forma geral, fique tranquilo, usar AVA não é nada complicado. Na agenda digital escolar que desenvolvemos aqui na ClipEscola, por exemplo, lançamos o módulo “Eventos Virtuais”, no qual salas virtuais podem ser criadas de maneira simples e intuitiva.

 

Funciona assim: os professores criam um evento na agenda com a opção de salas virtuais para aulas ao vivo. Todos os alunos recebem o convite (e até os pais, se for o caso) diretamente pelo aplicativo que está no celular e também por e-mail. Ao aceitarem, conseguem assistir às aulas no próprio celular ou no computador. O professor pode ser visto e ouvido e também compartilhar a tela do computador dele com os alunos. Quando houver dúvida, basta que os estudantes perguntem por voz, digitem no chat ou mostrem a dúvida na tela do próprio computador.

 

Como você pode ver, é algo simples de ser executado, e o próprio suporte da agenda digital ainda pode ajudar com orientações. Não há, portanto, motivo para as aulas serem interrompidas em plena era tecnológica, na qual a presença física pode ser facilmente substituída pela virtual.

 


Quais são as outras possibilidades além das aulas virtuais?

 

É claro que as aulas são uma parte do aprendizado, mas não todo ele. Deveres, materiais complementares, avaliações, etc., também são questões necessárias ao ensino. Por isso, um Ambiente Virtual de Aprendizagem deve contemplar todos esses pontos.

 

Aqui na ClipEscola, por exemplo, cada uma dessas necessidades é atendida da seguinte forma:

 

  • Envio de materiais

 

A escola consegue enviar materiais em diversos formatos e de vários tamanhos aos alunos. Eles ficam salvos em nuvem, sem consumir memória do celular dos estudantes. Caso o material esteja em um link, basta passar esse link aos alunos na forma de recados virtuais.

 

  • Deveres

 

Os deveres podem ser criados por meio da funcionalidade de formulários, presente na ferramenta. É possível criar perguntas abertas, fechadas, de escolha única, de múltipla escolha, entre outras. Se a tarefa for uma redação, basta escolher a opção de pergunta com resposta longa, pois lá o texto da redação poderá ser inserido por completo.

 

  • Avaliações

 

As avaliações podem ser realizadas pelo mesmo caminho dos deveres: pelos formulários. As respostas dos alunos ficam tabuladas em uma planilha, para que sejam conferidas depois. 

 

  • Entrega de Trabalhos

 

Se a avaliação não consistir em uma prova, mas sim em um trabalho com um produto final, esse material também poderá ser enviado aos professores pela plataforma, e ficará salvo em nuvem.

 

Como começar a usar AVA

 

Para começar a usar Ambiente Virtual de Aprendizagem para as suas aulas EaD, o primeiro passo é aderir à ferramenta que contém o recurso. Você pode fazer isso por aqui. Após a adesão, a solução será implantada na sua escola de maneira virtual – ou seja, se você e seus colaboradores estão trabalhando no modo home office, isso não afetará em nada. Depois, é só começar a usar!

 

Sabe por que tudo pareceu tão simples? É porque realmente é! A tecnologia não é nenhum bicho de sete cabeças, e após a sua escola dar o “start”, verá o quanto as coisas podem ser feitas de maneira absurdamente simples e eficiente. Então, agora é com você!

 

Leia mais
– Como usar EaD em situações extraordinárias para seguir com as rotinas escolares
– Como a sua escola envia e recebe documentos? Agilize seus processos escolares!

 

Pronto para começar a usar Ambiente Virtual de Aprendizagem e driblar o desafio da suspensão das aulas presenciais? Conte com a gente!

 

CTA - Infográfico - Sala de Aula Virtual ClipEscola

AUTOR:

Graziela Balardim

A autora é Jornalista, pós-graduada em Produção Multimídia e atua na ClipEscola como Conteudista de Marketing Digital.