facebook Atendimento por email Agende uma visita Ligue Agora Atendimento online Atendimento Online 2 Whatsapp whatsapp 2 corretor

Começo de semestre é hora de rever o planejamento

11 de julho de 2017 | sem comentário | Categoria(s): Gestão Escolar, Relacionamento Pais / Escola

Tempo estimado de leitura: 7 minutos (1283 palavras, 7722 caracteres)

Estamos entrando no segundo semestre de 2017, e com a chegada dessa nova fase temos a oportunidade de avaliar o que já foi desenvolvido até aqui e o que pode ser melhorado para a segunda etapa do ano. No ambiente escolar esse processo é crucial para o acompanhamento das metas e a validação do planejamento feito lá em janeiro, ou até mesmo no ano anterior. Este é o momento para identificar boas práticas e possíveis melhorias para acertar os rumos do próximo semestre.

 

Pensando nisso, listamos algumas ações para direcionar essas avaliações dentro da escola:

 

1) Reunir-se com a equipe docente

 

Envolver os professores nesse processo é de extrema importância, afinal, são eles que estão em contato direto com os alunos em sala de aula. Então, reúna seu time e compartilhem experiências, avaliem juntos ações com bons resultados dentro daquilo que foi planejado anteriormente e questione quais são as necessidades levantadas durante esses primeiros meses. Incentivar a troca de boas práticas entre a equipe e avaliar possíveis melhorias aumenta o engajamento, pois proporciona a inclusão e relevância das atividades desempenhadas e deixa todos na mesma página em busca do objetivo comum.

 

Reuniões produtivas precisam seguir alguns passos para que tenham efeitos satisfatórios, e o primeiro deles é a preparação da reunião. É preciso definir uma pauta, as pessoas-chave que irão participar e quem será o facilitador. No início da reunião há uma das partes mais importantes: a introdução. Grande parte da falta de produtividade de uma reunião se deve ao começo pobre dela, por isso é essencial que o facilitador faça uma boa introdução sobre os assuntos que serão tratados ali. Nessa etapa, também é indicado estabelecer algumas regras de comportamento para que a reunião mantenha o foco adequado.

 

Durante a reunião o facilitador tem a responsabilidade de coletar e organizar as informações, garantindo que todos estejam “na mesma página”. Manter as pessoas ativas e envolvidas com os tópicos também é essencial para o sucesso de uma reunião. No encerramento do encontro, o ideal é fugir de termos como “é isso” ou “pronto”, a sugestão é avaliar as questões levantas e atividades a serem executadas, assim como se o tempo planejado para execução da reunião foi o suficiente.

 

2) Incluir todos que fazem parte do dia a dia da escola

 

É importante ouvir todos os envolvidos na rotina da escola: coordenadores, funcionários, professores, pais e alunos. Cada pessoa terá uma visão diferente ligada ao setor em que atua, ou a situações do dia a dia. Organize reuniões com cada setor da escola, com pautas específicas para levantar as informações pertinentes às melhorias daquela área e quais sugestões eles trarão para impactar a todos. Com isso você terá uma perspectiva do cenário completo, podendo analisar as informações de forma macro.

 

Esses dados irão nortear as ações para o segundo semestre. Faça um evento de boas-vindas para toda a equipe após o retorno das férias. Essa é a oportunidade ideal para divulgar o plano de ação para essa segunda fase do ano. Vale até inserir gincanas e dinâmicas para motivar a equipe e garantir que todos estão cientes dos objetivos apresentados.

 


3) Avaliar as ações pedagógicas

 

Uma das prioridades da gestão escolar são as práticas em sala de aula, e durante esse período de avaliação temos a oportunidade para acompanhar esse desenvolvimento de perto. É o momento de analisar como está o andamento das ações previstas lá no começo do ano no projeto político-pedagógico (PPP). Esse olhar deve ir bem além da verificação do andamento de cada turma com o livro didático, pois agora é a hora de analisar com atenção os dados do desempenho escolar, do trabalho desenvolvido pelo professor, da produção dos estudantes e das condições que a escola oferece à comunidade escolar.

 

Analisando os pontos fortes e chances de melhoria com os professores, essa análise trará ao gestor a possibilidade de implementar ações prioritárias para alcançar o nível desejado de qualidade e efetividade de aprendizagem dos alunos. Além disso, também possibilitará os ajustes necessários para a entrega das metas estabelecidas no PPP.

 

4) Reorganizar a rotina

 

Sua equipe está sobrecarregada? Como e quais processos podem ser otimizados para aumentar a produtividade? Como reduzir custos operacionais? Questões como essas serão levantadas nas etapas anteriores e será necessário um plano de ação para atacar esses problemas e aplicar soluções práticas. Falamos mais sobre redução de custos nas escolas neste post.

 

 

5) Avaliar o engajamento escolar

 

É importante medir o nível de engajamento dos pais e alunos dentro da comunidade escolar. Com o uso da tecnologia a favor da escola, é possível levantar informações como essas com poucas ações. Uma das possibilidades são as pesquisas de satisfação, que podem ser feitas facilmente por aplicativos de comunicação como o ClipEscola.

 

Imagem de uma pessoa realizando o planejamento escolar pelo aplicativo ClipEscola

Pelo ClipEscola a escola pode enviar enquetes rápidas aos pais e receber o feedback na hora

 

Analisar os dados é um passo importante após a aplicação de pesquisas nesse formato. Dentro da plataforma é possível avaliar as respostas em tempo real. A cada nova informação os dados são atualizados automaticamente.

 

A escola pode analisar os dados recebidos instantaneamente

 

Assim, é possível acompanhar e incentivar a participação ativa de todos no dia a dia da escola de forma prática e ágil. O planejamento para ações como essas envolve duas etapas: a seleção de perguntas que irão fazer parte do questionário enviado e como os dados serão analisados depois. Na etapa de formulação do questionário é importante analisar com cuidado os tópicos que serão abordados e qual a importância deles no cenário atual. Pesquisas extensas costumam ter baixo índice de participação, e por isso as perguntas devem ser diretas e objetivas, para que em poucos minutos o responsável pelo aluno consiga respondê-las.

 

Sugerimos algumas questões que podem ser utilizadas durante a pesquisa:

 

    • Você acompanha as tarefas e a agenda do aluno diariamente?

 

    • Participa das atividades e eventos realizados pela escola?

 

    • Comparece às reuniões de conselho de classe?

 

    • As instalações da escola são favoráveis ao desenvolvimento do aluno?

 

    • Você aprova os métodos de avaliação utilizados pela escola?

 

    • Com que frequência você conversa com os professores do aluno?

 

    • Como você avalia nosso quadro de professores?

 

    • Com que frequência você conversa com o aluno sobre os conteúdos estudados?

 

    • Como você avalia os métodos de comunicação entre escola, pais e aluno?

 

    • Você indicaria a escola para um amigo ou familiar?

 

Leia mais
– Gestão: como simplificar tarefas e gerar economia para a escola
– Matrículas de última hora: como administrar?

 

O acompanhamento das ações desempenhadas até agora trará muitas oportunidades para a escola neste restante do ano. Conte para nós qual será o seu planejamento para este início de semestre e quais os métodos que utilizará.

 

CTA_eBook_apresentacao-1

 


Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of